O modelo produtivo do Software Livre como novo paradigma autoral

A noção de autoria, tradicionalmente entendida como algo de natureza individual e privada,
sofre um significativo deslocamento na atualidade, adquirindo um sentido mais interativo e
aberto. Neste artigo, argumentamos que o Movimento Software Livre (MSL) é uma
importante referência para esta inflexão do processo autoral, como responsável pela
consolidação de um modelo produtivo alternativo baseado em interações colaborativas e no
livre fluxo de informação. Além disso, Richard Stallman, seu fundador, foi o idealizador da
General Public License (GPL), a licença para o registro do software livre que propõe uma
subversão aos critérios do Copyright. Num primeiro momento, fazemos uma reflexão sobre o
estatuto da autoria, com base no pensamento de Michel Foucault. Em seguida, abordamos o
surgimento do MSL e a criação das licenças alternativas. Por último, como um exemplo da
influência do modelo open source na área científica, apresentamos o caso da pesquisa de
medicamentos de doenças negligenciadas

Tipo de arquivo: 
Artigo
Evento / Disciplina / Periódico: 
Revista Advir
Ano: 
2012

Autor/Autores: